★ Johnnys no Brasil ★
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 02, 2009 4:10 pm

7 Lifes
~満月の猫のcurse~
(Mangetsu no neko no curse)
Pairing: 小山P alguém ainda continha alguma dúvida?
Ranting: por enquanto tá salvo[?] em uns... ok. 12 anos vai. Vamos mudar pra 16 antes que eu coloque coisas que não pode.
Genre: romance, creio. Fantasy, AU, yaoi. Esqueci algo?
Disclaimer: Hoho... Se eles me pertencessem, não estaria escrevendo isso, estaria?
Aviso: A classificação poderá mudar. Estejam atentos.
Status: 07/?

Links:

Prólogo.

Capítulos.

01, 02, 03, 04, 05, 06, 07

Livejournal:
「00, 01, 02, 03, 04, 05 A, B, C, D, 06 A, B , 07」

FFSOl:
http://www.ffsol.org/portal/texto.php?idff=5024

Nyah!
http://fanfiction.nyah.com.br/historia/50964/7_Lifes_Mangetsu_No_Neko_No_Curse


Última edição por Kyuu em Qua Jun 16, 2010 9:52 pm, editado 17 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Moshi
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 908
Idade : 23
Localização : Brasil ~! -q
Unit Favorita : NEWS
Data de inscrição : 28/09/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 02, 2009 4:13 pm

*-------------------------*


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 02, 2009 4:14 pm

7 Lifes
~満月の猫のcurse~
(Mangetsu no neko no curse)
~A Maldição Do Gato Da Lua Cheia~


「prólogo」

Yamapi corria na rua vazia graças à chuva, e apesar de estar usando um guarda-chuva, se encontrava impaciente para chegar ao seu apartamento: um lugar seco e seguro, Quase escorregou na pressa, ao tentar subir os degraus do portão de seu prédio correndo, e quando ia abrir a boca para soltar algum palavrão, parou e olhou algo encolhido no chão sem proteção alguma contra a tempestade que caía. Aproximou-se e seus olhos arregalaram um pouco com a surpresa de ver um gatinho ali, deitado na calçada enquanto tremia de frio.

Olhou para os lados, confirmando que estava mesmo sozinho, agachando-se na frente do felino, passando a mão levemente sobre o pêlo marrom deste, franzindo o cenho preocupado. Não era nenhum especialista em gatos e nunca teve sequer um de estimação, mas ao menos, de uma coisa sabia. Aquele gato estava queimando em febre. Assustado, Yamapi pega o gato nos braços, subindo correndo para seu apartamento para pegar a chave do carro, tendo antes enrolado o gato em uma toalha seca, e logo estava correndo a procura de um veterinário que pudesse atender aquela hora.

「~*~」

Suspirou aliviado enquanto acariciava com uma mão a cabeça do gato adormecido enquanto o segurava com o outro braço, como se o gato fosse um bebê. Curvou-se levemente, agradecendo o veterinário que sorria feliz e começava a acariciar o gatinho.

-Mas que sorte a sua hein! Ser encontrado por alguém tão bondoso assim! Ainda bem que ele te trouxe aqui antes que fosse tarde demais, né! Agora vê se melhora rapidinho e não dá mais tanto trabalho assim.

Yamapi sorriu embaraçado diante dos elogios dirigidos a ele, mas mesmo assim continuava um pouco preocupado. Apesar de todo tempo e tratamento que passou na clínica, o gatinho havia aberto os olhos apenas uma vez, para logo os fechar rapidamente. Vendo a expressão em se rosto, Aiba, o veterinário, explicou como se lesse sua mente.

-Não se preocupe! Ele já está fora de perigo agora. Apenas alguns dias de descanso e logo estará totalmente curado. Bom... - fez uma expressão séria – mas se caso aconteça algo ou ele não melhore, pode ligar para a mim a qualquer hora! Mesmo de madrugada, fins-de-semana, feriados, horário de almoço, café-da-manhã, janta...

Riu da seriedade repentina do veterinário, e agradecendo mais uma vez, despediu-se, entrando no carro em seguida. Observou o gato deitado confortável no banco passageiro e sorriu.

-E agora? O que eu faço com você? - deu de ombros e começou a dirigir em direção de seu apartamento. Tinha que admitir que fora um dia longo e que os dois precisavam de descanso urgente, mas mesmo isso não o impediu de que dirigisse com calma, sem pressa.

Entrando no apartamento, depositou o felino no sofá para poder beber água, e no momento que chegou no corredor para ir ao seu quarto, olhou novamente o sofá, se sentindo incomodado. Aquele gato não havia acordado nenhuma vez sequer desde que deixara o veterinário, e apesar de saber que este devia estar tão fraco e cansado que não iria acordar tão cedo, não pôde evitar de se preocupar. Porque... E se o gato piorasse enquanto ele dormia? E se ele piorar e Yamapi não escutar, aí quando for perceber já for tarde demais?

Balançou a cabeça na tentativa de espantar esses pensamentos horríveis. Mesmo não querendo pensar nisso, tinha que admitir que ainda havia uma possibilidade de isso acontecer. Suspirou. Carregou o gato ainda sem nome nos braços, e colocou-o em sua cama, deitado-se ao seu lado. Franziu o cenho preocupado. Como é que ele iria conseguir cuidar de um gato (aliás, um gato DOENTE) quanto nada sabia a respeito deles?

Acariciou mais um pouco o pêlo do gato, surpreendendo-se quando este levantou a cabeça tão devagar que parecia câmera lenta, abrindo aqueles maravilhosos olhos castanhos que pareciam ter-lhe hipnotizado. Aqueles olhos... Brilhavam com tanto carinho, que Yamapi começava a duvidar se estava vendo certo ou não. E para completar, ouviu um miado fraco, mas que mesmo assim lhe passou a sensação de que aquele gato estava lhe agradecendo. Riu baixinho de si mesmo por pensar que um gato poderia estar lhe agradecendo, e adormeceu logo após o gatinho.

「~*~」

Grunhiu ao ouvir o despertador tocar. Droga. Havia esquecido de desligá-lo no dia anterior por causa do gato, e agora estava acordando cedo justo no dia de folga. Tateou a cabeceira a procura do objeto maligno, e teve que se conter para não atirar o dito cujo direto para a parede. Satisfeito após ter-lo desligado, voltava para a posição que encontrava-se anteriormente a fim de dormir mais um pouco quando, sua mente já despertando um pouco, percebeu que havia algo errado.

Virou-se e até gritaria, se o choque não tivesse sido tanto e seu estado sonolento passasse logo (nunca foi uma pessoa matutina, tinha que admitir). Ao seu lado, no lugar do gatinho, encontrava-se um garoto (bom, tá certo que deveria ter sua idade) adormecido, com o cabelo da mesma cor do pêlo do felino, e seu rosto calmo, sereno.
Soltou o ar de seus pulmões assim que se lembrou de como se faz para respirar e tentou se acalmar. Ok... Talvez aquilo fosse um sonho. Isso. Um sonho.

Quando estava quase convencido de que estava sonhando, o rapaz ao seu lado se mexeu, abrindo os olhos e mirando a pessoa ao seu lado. Ok... Yamapi pensou novamente, um sonho. Um sonho que parece bem real, mas ainda sim um sonho, certo? Mas quando o rapaz sorriu levemente e de um jeito doce, Yamapi mudou de idéia. Ah... Agora a realidade estava bastante confusa.

-Bom dia... - ouviu o rapaz lhe dizer enquanto sentava-se, fazendo Yamapi arregalar os olhos ao perceber que o outro não vestia roupa alguma. - Er... - corando um pouco ao sentir o olhar atraído para si, disse meio hesitante – Acho... Que eu tenho que agradecer por ter cuidado de mim ontem, né?

Okay. Agora nada mais fazia sentido. Ou apenas não queria aceitar a lógica que parecia não ter sentido algum? Engoliu seco, já prevendo um longo dia e dor de cabeça.


N/A: normalmente nao faco isso, postar uma fic que nem terminei. Por isso que todas postadas ateh hoje sao oneshoots.
Mas como inexplicavelmente meu humor sadico despertou novamente, preciso de comentarios sobre essa fic para que eu nao a deixe de lado ateh que meu lado sadico adormeca novamente. Motivo? Simples. Essa fic eh fluffly demais para meu lado sadico conseguir continuar a escrever.
Bom... estah certo que talvez se eu voltasse a escrever algo NC-17 teria mais efeito... hum.... pena que a maioria das pessoas aqui nao possam ler, nao eh? huhuhu....
Ah alias... o capitulo 01 jah estah pronto, digitado e tudo mais. Soh nao posto ainda porque... como disse, estou no meu momento DoS. XD


Última edição por Kyuu em Qua Dez 02, 2009 4:30 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 02, 2009 4:16 pm

Moshi escreveu:
*-------------------------*

meus deuses! que susto eu levei com seu post que apareceu do nada! XDDDD

- - -
nossa.... eu achei que tinha escrito tanto, mas vendo aqui... minhas fics realmente estao encurtando.... como assim? XDDD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
MiiHirano95
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1217
Idade : 23
Localização : MOGI DAS CRUZES -SP
Unit Favorita : NEWS
Data de inscrição : 16/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 02, 2009 6:56 pm

AAAAAAH *-*
que buunitin
aiba de veterinário
um gatin que vira um menino
aa, amei tudo *-*
continua sim, tá tão mara :D


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nara
Johnny's senior
Johnny's senior
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2833
Idade : 33
Localização : São Paulo/SP
Emprego/lazer : bióloga
Unit Favorita : NewS, Arashi, Kanjani8, V6
Data de inscrição : 26/05/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 02, 2009 7:18 pm

Kyaaa Aiba d veterinario *----*
acho q combina c/ ele *-*
Pi tao preocupado c/ o gatinho nhaa q fofo *------*
Citação :
(nunca foi uma pessoa matutina, tinha que admitir)
shahshahsas vdd
Ja vi numa entrevista deles na tv q ele disse q acordar cedo é duro p/ ele hehe
Citação :
Ao seu lado, no lugar do gatinho, encontrava-se um garoto (bom, tá certo que deveria ter sua idade) adormecido, com o cabelo da mesma cor do pêlo do felino, e seu rosto calmo, sereno.
*_________*
é ms eu tbm levaria um susto hehe
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://micellanews.blogspot.com/
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qui Dez 03, 2009 4:30 am

MiiHirano95 escreveu:
AAAAAAH *-*
que buunitin
aiba de veterinário
um gatin que vira um menino
aa, amei tudo *-*
continua sim, tá tão mara :D

hahaha... porque quando eu escrevi sobre o veterinario, eu TINHA que colocar o Aiba. porque serah? hahah

fico feliz que tenha gostado. Quando eu terminar o capitulo 02, eu posto o 01, ok? XDDDDDD

Nara escreveu:
Kyaaa Aiba d veterinario *----*
acho q combina c/ ele *-*
Pi tao preocupado c/ o gatinho nhaa q fofo *------*

Citação :
(nunca foi uma pessoa matutina, tinha que admitir)

shahshahsas vdd
Ja vi numa entrevista deles na tv q ele disse q acordar cedo é duro p/ ele hehe

Citação :
Ao seu lado, no lugar do gatinho, encontrava-se um garoto (bom, tá certo que deveria ter sua idade) adormecido, com o cabelo da mesma cor do pêlo do felino, e seu rosto calmo, sereno.
*_________*
é ms eu tbm levaria um susto hehe

acho que o Pi nessa fic estah tao..."cool". tenho que fazer ele reagir mais.. que sem-graca ele estah... hahaha. se bem que desse jeito, ele me dah menos dor de cabeca. XDDDDDDD

oh sim.. parece que o Pi tem o mesmo sistema que eu. acorda, mas soh desperta mesmo depois de um bom tempo.

hauhauhuahua. quem nao levaria nao eh?
rs....


agradeco os comentarios. <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qui Dez 03, 2009 4:19 pm

Aviso: ok....esqueci disso. pra quem nao sabe...
山P = YamaP
小山 = Koyama.
P.O.V. = ponto de vista (point of view)


「capítulo 01.」

「山P p.o.v.」

Entrego uma xícara de café à pessoa a minha frente, que sorri em agradecimento antes de recebê-la. A única coisa que sei a seu respeito é seu nome: Keiichiro Koyama. Depois de ter acordado com ele a meu lado, após meu estado de choque, emprestei algumas roupas minhas já que deixá-lo naquele estado, enrolado apenas com meu cobertor... Hum... Não. Definitivamente não era bom. Para poder pensar com clareza fui fazer café e agora apenas encaramos um ao outro sem saber o que dizer.

-Hum... - ele começou a dizer – sei que é meio difícil acreditar...- ergo uma sobrancelha e ele suspira – tá... Confesso que se fosse comigo eu também não acreditaria, mas será que pode me escutar até o final? Acho que depois de ter me salvado, você tem um certo direito de saber disso...

Fiquei em silêncio e comecei a beber meu café, enquanto ele começa a contar sua história.

-O gato que você salvou, sou eu. Minha família é... hum... digamos que ela seja amaldiçoada. E essa “maldição” que possuímos nos transforma em gato em noites de lua cheia. É basicamente isso.

-Sinto te dizer isso, mas... Maldição? Não consigo acreditar ainda. - ele apenas deu de ombros.

-O Japão é um país que em seu passado tem tantas lendas e tudo mais que predominam até hoje... Com tantas lendas, mitos e maldições, não é difícil achar que algumas delas sejam reais. - tive que concordar nesse ponto – de qualquer forma, não estou pedindo que acredite em mim, apesar de que seria bom...

De novo, estávamos em silêncio. Apesar de ser uma história difícil de crer, eu começava a ficar em dúvida. Por que diabos Koyama tinha que ter os mesmo olhos que aquele gato? Suspirei e Koyama se mexeu inconfortável na cadeira.

-Olha... Eu agradeço a sua ajuda, sua bondade e hospitalidade, mas... Eu acho que é melhor eu ir... Eu... Posso devolver depois suas roupas... - concordei e logo fui deixado sozinho na cozinha.

Encosto a cabeça na mesa e fico olhando o relógio na parede. Os ponteiros estão movendo de forma tão interessante hoje... Ouço uns barulhos estranhos vindo da sala, franzindo o cenho. Agora o gato resolveu me roubar? É isso? Me levanto e vou até a origem dos sons.

Tá. Essa é a cena mais bizarra que eu já vi na minha vida: a porta do meu apartamento está aberta e mesmo Koyama dando impulso e correndo em direção à ela, ele é jogado para dentro como se houvesse uma parede invisível ali. Pisco os olhos e balanço a cabeça. Devo estar vendo coisas. Mas quando olho novamente, a cena se repete. Dessa vez Koyama senta no chão com a respiração ofegante.

Caminho calmamente até a porta e ergo minha mão. Claramente não há nada impedindo a passagem aqui. Entro e saio do meu apartamento sem problema algum. Observo Koyama sentado e sem aviso prévio o ergo em meus braços, como se fosse uma noiva, e no susto, ele passa seus braços pelo meu pescoço para não cair. Quando eu tento passar pela porta agora com Koyama em meus braços, abro minha boca e faço um 'oh....' apesar de não sair voz alguma. Desço Koyama de meus braços, que tenta erguer a mão para a porta, não conseguindo passar dela, claro. Qual era a conversa anterior mesmo? Maldição...?

Depois de segundos, ainda olhando para sua mão que não conseguia passar pela porta, Koyama pergunta:

-Yamashita-san... Por um acaso você me adotou...? Quero dizer, - corrigiu-se rapidamente- por acaso você adotou o gato de ontem?

-Eu levei para o veterinário – disse, explicando sem entender – trouxe para o meu apartamento e estava cuidando dele então acho que sim, por quê?

Se virando em minha direção, pude perceber seu rosto empalidecer um pouco, os olhos meio arregalados e estava engolindo seco.

-Porque... É exatamente por isso que não consigo sair – fico esperando o resto da explicação e ele desvia seu olhar de mim – Hum... Acho... Que sou forçado a contar a “maldição” da minha família em detalhes para você entender Yamashita-san... - dizendo isso, ele desmaia e me alegro um pouco pelos meus reflexos, caso o contrário, ele estaria no chão, e não em meus braços.

「小山 p.o.v.」

Onde estou? Está escuro, não enxergo nada... Olho para os lados mas não vejo nada. Escuto um barulho de meu lado esquerdo, virando a cabeça rapidamente, apenas para encontrar algo preto e branco e peludo. Suspiro aliviado.

-Nyanta! Aonde estamos? Que lugar é esse?

Meu gato se espreguiça e boceja, acabando de acordar.

-Ora essa... - sua voz ecoa em minha cabeça, apesar de sua boca não mover – você desmaiou, não se lembra? - começou a lamber suas próprias costas, se “limpando” - apesar de tudo, você estava entre a vida e a morte ontem, -disse exagerando, porque se fosse verdade, eu não teria voltado a minha forma humana e talvez nem teria acordado - não é de se espantar que seu corpo não esteja recuperado.

Passo a mão pelo meu cabelo nervosamente, procurando a saída, apesar de já saber que é inútil.

-Eu não consigo sair do apartamento dele. O que eu faço agora? - apesar de gatos não terem sobrancelhas, podia jurar que ele as estava arqueando agora.

-Você conhece as regras tão bem quanto eu Keiichiro. Não há nada que eu possa fazer quanto a isso. Vai ter que se acostumar com a nova casa. Não vai ser difícil. Teve sorte que a pessoa que te encontrou ontem é bondosa desse jeito.

-Não estou reclamando de Yamashita-san! - bufei – Mas não acho que seja uma boa idéia ter que invadir sua casa assim. Ele não acredita na minha história ainda! - percebi o olhar divertido de Nyanta – que foi? Falei alguma coisa errada?

-Não... Nem um pouco. Mas me surpreende que goste dele a ponto de defendê-lo de mim, apesar de eu não ter-lo ofendido. - senti meu rosto corar ao ouvir isso – De qualquer forma, pode se oferecer a cuidar da moradia dele como forma de compensá-lo, não é como se você fosse conseguir sair daí por um bom tempo mesmo. E sobre a nossa história, hoje ainda é noite de lua cheia, então ele será forçado a acreditar depois.

Abri a boca para falar mais alguma coisa, mas de repente ouvi alguém chamando meu nome. Que estranho... De quem é essa voz? Observo os olhos de Nyanta brilharem mais ainda, como se estivesse rindo, o que me fez ficar mais confuso ainda.

-Não é hora de você ir? Pelo que vejo, estão te chamando. Ah, pode deixar que eu conto as novidades para todos aqui. - com isso, tudo voltou a ficar escuro.

-Koyama! Koya... - abro um pouco os olhos, piscando, tentando fazer minha visão entrar em foco – Koyama!

-Yama...shita-san?

-Você está bem? Você apagou do nada faz uns cinco minutos... - aceno com a cabeça, ainda meio zonzo e percebo que estou deitado no sofá de sua sala – Agora que você acordou, eu vou preparar o almoço... Se quiser, pode dormir mais um pouco. Quando estiver pronto, eu te acordo. - concordei com a cabeça e vi Yamashita-san indo para a cozinha antes de fechar os olhos. Yamashita-san é mesmo muito gentil...

Hum... Que cheiro bom... O que será? Parece gostoso... Ouço Yamashita-san me chamar em um tom suave. Creio que o almoço esteja pronto então. Me sento, e ainda um pouco desnorteado, olho para a mesa da sala, onde há uma travessa com macarronada, dois pratos, dois copos e uma jarra de suco. Me sinto meio mal. Além de Yamashita-san me achar, cuidar de mim, ainda estou dando tanto trabalho... Minha barriga ronca, o fazendo rir e me fazendo corar.

-Acho que fiz bem em te acordar então – o divertimento claro em sua voz.

-Eu não tenho culpa se não comi nada desde ontem à tarde, quando peguei aquela chuva... - murmurando um 'itadakimasu' rápido, começo a comer – Hum! Que delícia! Yamashita-san cozinha muito bem! - sorri enquanto comia mais um pouco.

-Ou você está com tanta fome que mesmo se comesse pedra, ia achar gostoso... - parei um pouco de comer, fingindo pensar antes de responder.

-É, isso também... - ouço seu 'hey!' indignado, nós dois rindo logo depois.

「~*~」

Depois do almoço, consegui convencê-lo a me deixar lavar a louça, mas como ainda não conhecia muita coisa de seu apartamento, Yamashita-san ainda teve o trabalho de enxugar e guardar as coisas. Mas foi bem divertido até. Conversamos bastante e acabei descobrindo que Yamashita-san trabalha como modelo, mas tinha tirado alguns dias de folga. Não me surpreendi quando me contou sobre seu trabalho, quer dizer, Yamashita-san realmente é uma pessoa de beleza extrema mesmo sem maquiagem alguma e o cabelo bagunçado como está agora. Balancei a cabeça, voltando a me concentrar no que estava fazendo.

-E aqui é onde eu guardo as toalhas. Já que não sabemos até quando você irá ficar preso aqui, sinta-se em casa. Não precisa ficar esperando minha permissão para fazer algo. Caso você faça algo que me incomode, eu te direi, então relaxa, tá? - sorrio agradecido e ele sorri também, olhando para o relógio que marcava três e meia depois – bom... Eu tenho que sair para fazer umas compras, acha que ficará bem sozinho? - afirmo com a cabeça e ele sorri satisfeito – eu volto logo, ok? - dito isso, sou deixado sozinho no apartamento que acabou virando meu lar.

「~*~」

Nunca pensei que em apenas duas horas e meia eu iria sentir tanto tédio assim na minha vida. E olha que eu tentei arranjar várias coisas para fazer: limpar a sala, ajeitei a cozinha, arrumei os quartos e até lavei o banheiro! Pra piorar, não tem nada de interessante na tv. Yamashita-san está demorando muito... Será que ele esqueceu de mim? Incomodado, balanço a cabeça para espantar esse pensamento. Ah... Já sei! Sorrindo, vou até a cozinha arregaçando as mangas. Vou preparar a janta! Só espero que ele goste... Porque eu não sei do que ele gosta ou não... Sorrindo novamente, volto a cozinhar.

Sorrio satisfeito ao observar a mesa de jantar. Tudo pronto! Só espero que Yamashita-san não demore ou a comida irá esfriar. A porta do apartamento se abe e um 'tadaima' é ouvido. Ótimo! Meu sorriso se alarga. No tempo certo! Quando vou falar algo, Yamashita-san se adianta.

-Wow! Que banquete é esse? - banquete? Que exagero. Só assei o peixe, fiz missoshiro, batata frita, refogado de legumes, guioza... Coisas básicas não é?

-Espero que não se incomode de eu ter mexido na sua cozinha. Acabei de preparar, então melhor comermos antes que esfrie... - ele consente, se sentando rapidamente à mesa.

-Hum! Isso é bom! Aonde aprendeu a cozinhar?

-Minha mãe. - dou de ombros, começando a comer – fico feliz que tenha gostado. Se quiser, eu posso ficar encarregado da cozinha como forma de compensar a minha invasão. - eu falo em um tom sério, mas ele apenas ri.

-Não me importo de comer o que você prepara, aliás, até fico feliz, mas não se sinta na obrigação... Podemos revezar se quiser.

-Não! Eu quero fazer isso!

-Hum... Por mim, tudo bem... -sorrio satisfeito, voltando a comer.

Nos conhecemos a menos de vinte e quatro horas, mas mesmo assim, com exceção da manhã um pouco estranha, nós estávamos nos dando bem. Aliás, tenho que ficar aliviado por ele não ser uma daquelas pessoas que assim que ouvem minha história, tentam me fazer de cobaia em experimentos. Não que alguma vez eu tenha passado por isso, mas estremeço só de imaginar.

Terminamos de jantar e após ajeitar as coisas, sentamos no sofá da sala conversando, ignorando a televisão ligada, até as dores do meu corpo voltarem. Droga. Odeio essa parte.

-Koyama...? Você está bem? - afirmo com a cabeça enquanto me levanto do sofá, ignorando a preocupação que aparece em seu rosto e indo para perto da sacada, onde a luz da lua ilumina parte do chão.

-Yamashita-san... Essa... É a prova de que não estou mentindo...

「山P p.o.v.」

Quando Koyama se aproxima da porta da sacada, a única coisa que consigo pensar ao vê-lo banhado com a prateada luz lunar e seus olhos castanhos brilhando douradamente, é como essa visão é linda. Quase nem tenho forças para piscar. Porém, repentinamente, ele se encolhe todo, seu rosto torcido em dor, apesar de ele não gritar. A única coisa que vejo depois são minhas roupas, aquelas que emprestei, no chão, e de dentro delas, um gatinho conhecido saía. Mas que diabos...?

-Koyama...? - pergunto e o felino apenas afirma com a cabeça.


N/A: consegui terminar o capitulo 02 ha uns 5 minutos, entao resolvi postar o 01. vamos ver como vai andar essa fic....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Nara
Johnny's senior
Johnny's senior
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2833
Idade : 33
Localização : São Paulo/SP
Emprego/lazer : bióloga
Unit Favorita : NewS, Arashi, Kanjani8, V6
Data de inscrição : 26/05/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qui Dez 03, 2009 4:38 pm

Waaaaa Nyanta aparece tbm *------*
se tem gato na historia, Nyanta teria q aparecer hehe
Kyaa é tao diferente essa fic e esse lance d maldiçao *-----*
waaa eu gosto d historias assim ^^
Obaaa ja tem cap 2
Aaaa posta logo
*anciosa pelo proximo cap*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://micellanews.blogspot.com/
Bah Wakabayashi
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 252
Idade : 25
Localização : Brasil, São Pulo, capital
Emprego/lazer : Auxiliar de lingua japonesa
Unit Favorita : Arashi *--* amo mais que tudo <3
KAT-TUN, NEWS, SMAP e TOKIO
Data de inscrição : 13/06/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Sex Dez 04, 2009 1:21 am

waaaaaaaaaaaaaaaa

kyuuuuuuuu-chan /o/

acho q eu ía eskecer de vc moça???

claro q não XD~

adorei a ideia da fic... foi criativo :D
por um momento me lembrei de fruits basket mas isso naum vem ao caso

KoyaP! naum esperava outro casal vindo de vc XD~

mas eu tenho uma pergunta que naum quer calar???
Vão ter outros johnnys na historia ? tipo os outros membros do News?


continue por favor hein !
esta sainu um belo trabalho o.oV
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Moshi
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 908
Idade : 23
Localização : Brasil ~! -q
Unit Favorita : NEWS
Data de inscrição : 28/09/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Sex Dez 04, 2009 2:10 am

KYUUUUU *--*
UAHIAHUHAUIHAUHAUIHAUHUAHIUHA

man, amei! - novidade.
Muiiiito fofa '-'
Achei super³ diferentes e muito criativa, então por favor... continue essa fic ^^
AH, o Nyanta apareceu xD

Bom, no mais... estou muito ansiosa pro próximo capítulo!
Quero só ver o que vai dar, lá lá ~
e você já sabe, né? sou sua fã. /o/


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Sex Dez 04, 2009 4:14 am

Nara escreveu:
Waaaaa Nyanta aparece tbm *------*
se tem gato na historia, Nyanta teria q aparecer hehe
Kyaa é tao diferente essa fic e esse lance d maldiçao *-----*
waaa eu gosto d historias assim ^^
Obaaa ja tem cap 2
Aaaa posta logo
*anciosa pelo proximo cap*

oh sim... Nyanta tambem aparece...rs... na verdade.... a participacao dele foi inesperada ateh pra mim.... mas depois de perceber que eu coloquei ele na estoria (levou um bom tempo porque jah estava escrevendo o final da primeira participacao dele) achei que nao era uma ma ideia assim... hahaha.... isso que dah ficar brisando a vida inteira... quando vc tenta escrever algo depois, parece que as coisas criam vida propria....
no final das contas, o que eu tava prevendo ser uma fic de uns 5 capitulos, acho que vai ficar mais longo.... (^__^')ノ

hohoho.... ->(imitando papai noel por causa do natal [?]) como foi que eu tive a ideia disso mesmo....?
ah.... lembrei. porque de alguma forma, quando tava autistando, achei que o Massu me lembrava um labrador [?] aih fiquei olhando o Keii (que alias, lembro dele sempre que olho o meu labrador XDDDDDD [os dois tem olhos tristes de doh]) aih tive a ideia.... hahaha.....

postarei, postarei..... mas prefiro escrever o capitulo 03 antes de postar! XD *apanha* yeah. soh pra fazer vcs esperarem mais um pouco de proposito! XDDDDDDDDDDD *fogeantesqueapanhafeio*


Bah Wakabayashi escreveu:
waaaaaaaaaaaaaaaa

kyuuuuuuuu-chan /o/

acho q eu ía eskecer de vc moça???

claro q não XD~

adorei a ideia da fic... foi criativo :D
por um momento me lembrei de fruits basket mas isso naum vem ao caso

KoyaP! naum esperava outro casal vindo de vc XD~

mas eu tenho uma pergunta que naum quer calar???
Vão ter outros johnnys na historia ? tipo os outros membros do News?


continue por favor hein !
esta sainu um belo trabalho o.oV

bom mesmo! XDDDDDD *apanhaagain* hahaha.... para vcs nao me esquecerem eh que eu escrevo.... u_u
XDDDD se bem que acho que jah jah vcs vao enjoar de tanto KoyaPi, but anyways. <3

oh... Furuba! simplesmente AMO furuba~! mas nao. nao tirei a ideia de lah. XD nem me passou pela cabeca isso... XD hauhauahua. porque na verdade a ideia de transformacao era pra ser pro TegoMass, mas como nao sabia como escrever, Keii apareceu e do nada jah tinha do comeco ao fim a ideia da fic. XDDDDDDDD Keii-chan eh magico, eu digo!

hohoho (papai noel 02?)! bom saber que me conhece jah! XDDDD

oh... sim. irao aparecer. nao digo quem exato porque nem eu sei. 8D
como eu disse antes, isso aqui tem vida propria! acontece coisas que eu nem imaginava que ia acontecer!
um membro do NEWS eh certeza aparecer. mas quanto aos outros... eu estou planejando coloca-los, mas vai saber.... raios! estou ateh com medo de colocar mais Arashi sem perceber! XDDDDD

anyway....... significa que nos duas vamos ter que esperar para ver o que acontece.... espero que nao se decepcione... XD haha.

Moshi escreveu:
KYUUUUU *--*
UAHIAHUHAUIHAUHAUIHAUHUAHIUHA

man, amei! - novidade.
Muiiiito fofa '-'
Achei super³ diferentes e muito criativa, então por favor... continue essa fic ^^
AH, o Nyanta apareceu xD

Bom, no mais... estou muito ansiosa pro próximo capítulo!
Quero só ver o que vai dar, lá lá ~
e você já sabe, né? sou sua fã. /o/

hahahahaha! fico feliz que tenha gostado! <3 fico feliz em ouvir isso!
fofa? huuuuuum. eu ainda estou esperando o momento de eu deixar isso aqui mais interessante, mas enquanto eles nao se conhecem tao bem, nao posso fazer nada. >_> frustrante, fato.

diferente neah.... XD quem ia ter ideia de transformar Keii num gato literalmente? soh uma autista da vida mesmo....

sim, sim. Nyanta! Apesar de ele parecer mais maduro nessa fic. XDDDD talvez ele seja mais esperto que o Keii-chan? XD hahaha. *apanha*

oooh........ o proximo... o que acontecia no proximo mesmo? *memoria curta* ah tah. lembrei. huuuuuuum.........
o que serah que acontcerah....? huhuhu... misterios da vida.... XDDDD nah... na verdade nem achei o proximo capitulo tao interessante apesar de ser importante. eu quero chegar logo na parte em que torno a vida dos dois um inferno! ;-;
/mentira. eu quero mesmo ficar brincar com eles, mas nao sei ainda o que vou fazer. XD

oooh... tenho uma fa! <33 hahaha. Let's get the world! vamos dominar o mundo! 8D/ [?????????]



dears. love your comments! amo muito! entao sempre que puderem, podem escrever comentarios que eu nao ligo, oks? ;D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
MiiHirano95
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1217
Idade : 23
Localização : MOGI DAS CRUZES -SP
Unit Favorita : NEWS
Data de inscrição : 16/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Sex Dez 04, 2009 9:26 pm

Waaaaa Nyanta aparece tbm *------* 2

AAAH, AMEI, AMEI, AMEI, AMEI, AMEI *3*
continua Kyuu
parabéns, de verdade


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 09, 2009 8:53 am

MiiHirano95 escreveu:
Waaaaa Nyanta aparece tbm *------* 2

AAAH, AMEI, AMEI, AMEI, AMEI, AMEI *3*
continua Kyuu
parabéns, de verdade

hoho... thanks dear.
sorry pela demora....
como vim para casa da minha prima, estou meio que sem tempo de mexer no pc e ainda tenho que pedir permissao jah que a casa eh dela, neah....
mas fico muito feliz que esteja gostando! <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 09, 2009 10:16 am

yeah dears......... sorry pela demora... estou na casa da minha prima e ateh sexta devo estar bem ocupada cuidando de 2 pestinhas aqui....
por isso nem deu tempo de postar. sorry por isso. prometo que quando eu voltar eu posto o capitulo 03 sem demoras, ok? <3 rs..



「capítulo 02.」
「yamapi (山P) p.o.v.」

Wow. Ainda bem que eu já estava sentado. Só com o susto, eu provavelmente teria caído no chão. Coço a cabeça tentando por os pensamentos em ordem. Ok. A maldição realmente existe. Engraçado que não estou em tanto choque assim. Deve ser por causa dos olhos dele que eu sempre comparava com as do gato. Acho que meu subconsciente acabou aceitando nisso. Quando percebo, Koyama ainda não se mexeu, apenas ficou parado ali, em cima das roupas, o que não é nem um pouco bom considerando que ele mal se recuperou da tempestade de ontem e agora está nesse chão gelado.

Me levanto e quando dou um passo em sua direção, ele automaticamente dá um passo para trás. Isso... Foi estranho. Por um acaso ele acha que eu vou machucá-lo? Franzindo o cenho com esse pensamento, me abaixo e o chamo.

-Vem. Não é bom você ficar no chão já que ainda não se recuperou. Vamos, eu te carrego – sorrio enquanto ele intercalava olhar entre minha mão e meu rosto – acho que agora você já deveria saber que eu não vou te machucar.

Ele começa a andar em minha direção meio hesitante no começo, para logo depois começar a correr e pular no meu colo, me fazendo rir enquanto acaricio seu pêlo.

-Desculpe ter te assustado e não ter acreditado.

Ouço um miado em resposta e ele se esfrega em minha barriga, uma ação típica felina, mas é o modo que ele acha para me dizer que está tudo bem. Carrego-o em meus braços, ainda acariciando-o e recebo ronronos em resposta. O sorriso em meus lábios parece não querer se desmanchar. Também, com ele mesmo na forma de gato parecendo tão feliz, aliviado e alegre, não tem como.

-Né Koyama – ele me olha curioso – nessa forma, você não consegue falar? - ele faz 'não' com a cabeça e fica miando, me fazendo rir um pouco – desculpa. Eu não estou entendendo nada do que você está falando. - colocando-o sobre a cama, o vejo andar nela até se ajeitar e depois deito ao seu lado – acho que vamos ter que deixar a conversa para amanhã então. - acaricio seu pêlo mais uma vez, vendo-o bocejar e fechar os olhos – boa noite.

[~*~]

Por que raios eu esqueço de fechar a cortina? Me viro na cama e tateio-a um pouco. Hum? Alguma coisa está errada. Arqueio uma sobrancelha e depois abro os olhos para confirmar. Aonde Koyama se meteu? Me espreguiço, e assim que levanto da cama, um cheiro bom invade meu quarto. Ah, então está explicado. Caminho até o banheiro sonolento, pensando em como é possível Koyama acordar tão cedo.

-Bom dia – murmuro baixo, me sentando ao seu lado.

-Bom dia Yamashita-san! - ele está sorrindo... de manhã? É possível sorrir de manhã? - Como não sei ainda o que você prefere para o café-da-manhã, hoje resolvi arriscar com o modo ocidental depois de ter achado pacotes de pão-de-forma. - sorri ao ver o banquete que ele havia preparado. Se continuar desse jeito, vai ser fácil eu engordar – Ou será que você prefere o nosso café-da-manhã? - franzindo o cenho, ele me olha preocupado e eu não consigo evitar de achar aquela cena fofa.

-Tanto faz. Eu gosto de comer, então não tenho preferências. Hum... Mas isso aqui parece bom! - roubo um pão de seu prato, comendo, sorrindo enquanto observo sua cara de indignado – É boom~! Koyama, eu também quero isso!

Ignorando o bico que você faz, continuo a comer feliz, vendo você rir baixinho e preparar o meu pão. Engraçado como já acostumamos com a presença um do outro. Parece que já nos conhecemos há tanto tempo.

-Então... - colocando o pão no meu prato, ele bebe um gole de suco rápido – Quer ouvir a minha história? - confirmo com a cabeça enquanto como um pedaço de maçã. O pão que ele prepara é tão bom que acho que vou comer por último – Não tenho muita certeza de quando foi que começou, mas irei contar tudo que sei e lembro.

-É algo muito grave? - começo a ficar preocupado, mas ele apenas sorri negando com a cabeça.

-Vou tentar tornar a história mais curta para você entender. Você sabe que no passado os animais falavam e tinham poderes mágicos... - de fato, pensei, tem tanta lenda sobre isso – então...

-Espera! - ergui uma mão – não vai me dizer que você é a pessoa dessa lenda e que por sei lá que razão mágica, continua vivo até que alguém te liberte da maldição...

Koyama me encara em silêncio até absorver o que eu disse, rindo logo em seguida. Aliás, estava rindo tanto que caiu da cadeira e ficou rolando no chão, com a mão apertando a barriga e lágrimas saindo de seus olhos. Podemos dizer que consegui terminar de tomar meu café-da-manhã calmamente até ele voltar a respirar normal.

-Essa... - disse esfregando o olho – é a primeira vez que ouço algo assim! - sorrindo divertido, voltou a me encarar – Bom... É verdade que não são muitas pessoas que conhecem minha história, mas Yamashita-san é mesmo uma pessoa interessante! - sorri, rindo baixinho – Mas quer parar de desviar o assunto?

-Oh, desculpe. Por favor, continue. - rio de seu jeito brincalhão.

-Como eu estava dizendo... Naquela época, havia uma família de gatos que eram superiores aos outros. Era um clã que prezava muito o conhecimento, por isso gostavam de colecionar informações sobre tudo. Sabendo disso, muitas pessoas visitavam aquele clã em busca de informações de diversos assuntos. Doença, remédio, culinária, geografia, economia... Eles possuíam informações sobre tudo. E se caso a pessoa não achasse sobre o que procurava, os gatos curiosos como eram, iam atrás para descobrir mais alguma coisa. Aquela frase 'a curiosidade matou o gato' não é à toa sabe? Houve muitos casos que o assunto era perigoso demais que acabavam sacrificando a própria vida – ele franziu o cenho imaginando a cena, focando a atenção em mim depois – mas toda família tem sua ovelha negra, né? - riu – no caso dos gatos, havia um que se divertia com todos os visitantes. Não tinha interesse no que acontecia ao seu redor, apenas queria se divertir e como a maioria estava trabalhando atendendo aqueles que procuravam informações ou estavam viajando em busca delas, esse gatinho se sentia solitário com freqüência.

Um gato solitário? E eu achando que gatos eram individualistas. Voltei a atenção para Koyama que não pareceu muito feliz de perceber que eu desviei-a momentaneamente.

-Um dia em que se encontrava nesses momentos solitários, sentiu alguém lhe acariciar o pêlo, e ficou encarando o menino que sorria feliz. Parece que ele estava acompanhando o pai, e sem nada para fazer, viu o gato sozinho e resolveu chamá-lo para brincar. O gato, feliz por ter a atenção de alguém, logo aceitou a oferta. Se divertiram bastante e na hora de ir embora, o menino prometeu que voltaria mais vezes, assim o gato não ficaria tão sozinho. Cumprindo sua promessa, o menino sempre vinha e os dois ficavam horas brincando até a hora dele voltar. Anos depois, quando descansavam, o menino disse “é uma pena que a gente tenha que se despedir sempre. Seria tão bom se pudéssemos ficar juntos, não é?”. Ouvindo isso, o gato nada disse, mas uma idéia já tinha se formado em sua cabeça. No dia seguinte, depois de ter pesquisado bastante, quando o menino veio ao seu encontro, o gato contou-lhe a idéia, e encantado, o menino aceitou na hora.

Quando a noite chegou, os dois fizeram um pedido à lua que estava em seu poder máximo, a lua cheia. Comovida pelo desejo sincero dos dois, a lua concedeu o pedido e depois daquele dia o menino e o gato se tornaram um só, assim não teriam que se separar nunca mais.

-Parece um conto de fadas.

-Agora você pode processar quem te disse que conto de fadas eram mentiras.

-Será que eu ganharia bastante dinheiro?

-Não sei, mas você pode tentar. - rimos e Koyama me parecia mais relaxado de alguma forma.

-Então... Deixa eu adivinhar. Depois do pedido, eles se transformavam em menino de dia e gato à noite?

-Gatos gostam mais do período noturno – comentou assentindo.

-Mas isso não explica o fato de voc~e não poder sair do apartamento.

-Não, não explica. Bom... Tem algumas coisas que foram se modificando com o tempo, mas não se preocupe com esses detalhes agora. Já sobre eu não poder sair... Digamos que meu lado felino acabou aceitando essa adoção que você fez, por isso não consigo sair.

-Ah... Espera! Quando você se transforma em gato, ainda é você, né? Ou você tem algo de dupla personalidade também?

-Não. Eu sou eu. Como eu disse, há coisas que foram se modificando com o tempo. Creio que a magia vai enfraquecendo. Deve ser por isso que só me transformo em noite de lua cheia. Mais alguma pergunta?

-Você é obrigado a ficar preso nesse apartamento o resto da vida só porque eu te adotei? - pergunto horrorizado só de imaginar.

-Não... - ele nega com a mão – só até meu lado gato achar que aprendi. -riu – mas até lá estou trancado aqui. Deve dizer que estou aliviado pelo seu apartamento ser grande. Não sei o que eu faria se ficasse trancado em um lugar minúsculo. - tento pensar em mais alguma coisa para perguntar e ele ri – não precisa se apressar e perguntar tudo de uma vez. Eu não vou fugir e não é como se eu pudesse sair daqui de qualquer forma. A gente pode deixar essa entrevista para outra hora. - concordo e ele sorri – ótimo! Agora, Yamashita-san...

-Yamapi.

-Hum? - ele faz uma cara confusa.

-Pode me chamar de YamaPi. Esqueça essa formalidade toda. - seu sorriso foi o maior que já tinha visto até hoje.

-Se quiser, pode me chamar de Keii-chan então! Er... Yamapi. -sorri ao ouvir meu apelido.

-Sim, Keii-chan?

-Outro dia, quando eu limpava o apartamento, achei algo, aí eu estava pensando...

Passamos a manhã inteira jogando twister e vídeo-game. Paramos somente quando nossos estômagos começaram a roncar, indo para a cozinha preparar algo para comer. Fizemos tanta bagunça que eu juro nunca ter visto minha cozinha de pernas para o ar daquele jeito. Acabei sendo expulso com Keii-chan dizendo que era para o bem de nossa sobrevivência porque se eu continuasse lá distraindo-o, ele não iria conseguir cozinhar e acabaríamos morrendo de fome. Que exagero. Para que serve o delivery então? Sentei no sofá fazendo bico, trocando os canais da tevê.

[~*~]

-Certo. Mais alguma coisa? - pergunto enquanto dou uma olhada na lista em minhas mãos.

-Não... Acho que não.

-Qualquer coisa, liga no meu celular. Então, vou indo até o mercado.

Olho o relógio e isso não me agrada nem um pouco. Maldito trânsito! Lei de Murphy, já ouviu falar? Pois é, odeio isso. Só porque eu inocentemente pensava que faria as compras e iria voltar para casa em quinze minutos, já fazem TRÊS HORAS! Maldito mercado cheio. Maldito trânsito. Malditos acidentes de trânsito. Malditos faróis vermelhos.

Suspiro cansado quando pego outro farol vermelho. Como será que Koyama está? Deve ser horrível ficar preso em um lugar sem ter nada para fazer. Amanhã acaba meu período de folga... Como vai ser? Koyama vai ficar um bom tempo sozinho. E pensar que acabei passando meus dois dias de folga em casa e não estou reclamando. Rio baixo com esse pensamento. Hum... quem sabe se eu comprar um gato? Aí ele podia fazer companhia para o Keii... Não. Só de imaginar que eles podem brigar com Koyama na forma de gato... E se isso acontecer na minha ausência? Nada bom. Peixes? Não. Não seria nem um pouco agradável se Koyama acabar comendo-os por puro instinto e cachorro é definitivamente um grande não. Estranho meu celular tocar, mas sorrio ao ver o número. É o número de casa.

-Fala Keii.

-Gomen né Yamapi... Mas será que você pode comprar ração de gatos também? - franzi o cenho. Anh? Agora Koyama deu de comer ração de gatos também?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Nara
Johnny's senior
Johnny's senior
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2833
Idade : 33
Localização : São Paulo/SP
Emprego/lazer : bióloga
Unit Favorita : NewS, Arashi, Kanjani8, V6
Data de inscrição : 26/05/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 09, 2009 6:20 pm

Nhaaa entao essa é a historia do Keii ^^
Kyaaa q fofinha *----*
cmo um conto d fadas msm ^^
Nossa twister, isso me faz lembrar d um video deles jogando twister contra as jogadoras d volei kkkkkk
Nhaaa nao demora p/ posta o cap 3 *_*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://micellanews.blogspot.com/
Moshi
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 908
Idade : 23
Localização : Brasil ~! -q
Unit Favorita : NEWS
Data de inscrição : 28/09/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Dez 09, 2009 10:48 pm

Que historia cute <3
muito bonitinho... *--*

AH, deu vontade de jogar twister. :D'
UHAHUAUHUAHUAHUAHUA ~ quero jogaar ~ !!!

KYUUUUU...
QUERO MAAAAIS! não demora T__T
tô mega ansiosa pelo resto xD


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Sab Dez 12, 2009 4:09 am

Nara escreveu:
Nhaaa entao essa é a historia do Keii ^^
Kyaaa q fofinha *----*
cmo um conto d fadas msm ^^
Nossa twister, isso me faz lembrar d um video deles jogando twister contra as jogadoras d volei kkkkkk
Nhaaa nao demora p/ posta o cap 3 *_*

fico feliz que esteja gostando entom. <3
haha.... parece? rs......
haahahaha! ah! aquele video! nem lembrava disso! hahahaaha!
oh dear..... acho que nao demoro para postar.................... assim que comecar a escrever......... hum....
ok... talvez demore um pouquinho soh... hahhaha.


Moshi escreveu:
Que historia cute <3
muito bonitinho... *--*

AH, deu vontade de jogar twister. :D'
UHAHUAUHUAHUAHUAHUA ~ quero jogaar ~ !!!

KYUUUUU...
QUERO MAAAAIS! não demora T__T
tô mega ansiosa pelo resto xD

que bom que goste de estorias assim! digamos que vc pode aproveitar porque vai demorar um pouco ateh eu resolver mexer no genero fluffly.

hahahahah! quero jogar tambem!! posso?

hhahahaha! vou me esforcar! pode deixar!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Jan 13, 2010 8:59 am

n/a: ok.. sem desculpas dessa vez... não foi por causa da correria, não foi por causa da inspiração...
anh........ apenas culpo meu DS que me distraiu várias vezes e o facebook que criei esses dias... (aliás, que tiver e jogar farmville, eu estou precisando de vizinhos) hauhauhaua. XD
brincadeiras a parte, peço sinceras desculpas pela demora.

lembrete: 小山 - Koyama
山P - YamaP

boa leitura e ainda tenho esperanças de receber reviews... hahaha.

「Capítulo 03」
「小山 p.o.v.」



-Então... Como é que você me achou? Não me lembro de ter te contado o endereço que aliás, nem eu sei direito.



-Quer que eu te ensine seu endereço então?- seu tom divertido me irrita um pouco. Parece que está me chamando de idiota na cara dura – Oras! Como que eu não iria saber onde você está? – ele responde assim que percebe meu humor – eu sou você. Você é eu. Somos um, lembra? – com essa resposta eu pondero um pouco e sou forçado a concordar – Além disso, não preciso dizer indiretamente que você é idiota quando a forma direta é tão mais eficiente...



Observo-o enquanto ele se espreguiça e ri da minha cara de indignado e quando eu ia abrir a boca para retrucá-lo, a porta da sala se abre e um ofegante Yamapi aparece carregando várias sacolas que, logicamente, fui prontamente ajudar.



-Oh... Esse é seu dono? Hum... Parece que você tem bom gosto afinal. – ouvindo essa frase, senti meu rosto corar levemente – acho que vou gostar bastante de morar aqui também... Aliás, agora entendo porque você nem chegou a reclamar ou tentar fazer alguma loucura para fugir... – fingi não escutá-lo, algo bem difícil de se fazer, e continuei a ajudar Yamapi – Também vi que estão dormindo na mesma cama... Huum... Parece que as coisas aqui esquentam rápido, não? Esses jovens de hoje em dia...



-Nyanta! – me virei bruscamente ppara encarar meu gato com meu rosto pegando fogo de tanta vergonha enquanto gritava seu nome na tentativa de repreendê-lo e quem sabe conseguir pará-lo de falar tantas besteiras.



-Que foi? Só estava mostrando meu ponto de vista sobre sua situação... – ele riu da minha cara, na minha cara.



-Sei... Mas prefiro não saber, se você não se importa... – resmunguei e logo senti uma mão na minha testa, encarando Yamapi sem compreender.



-Koyama... Você está bem? Parece estar com febre... – se é que é possível, corei um pouco mais, desvindo o rosto e encarando meu gato que ria furiosamente.



-Caham... Deixe-me apresentá-los. –desviei o assunto suspirando e tentando me acalmar – Yamapi, esse aqui é Nyanta, meu gato. E creio que ele irá morar conosco a partir de agora, se você não se importar, claro.



-Ah... Agora entendi o porque da ração de gatos... – pude vê-lo sorrindo depois – Que bom! Assim fico menos preocupado. Como hoje acaba minha folga, estava preocupado que você fosse ficar solitário enquanto eu estivesse trabalhando... – depois de um tempo em silêncio ele pergunta franzindo o cenho – Keii, você consegue conversar com gatos ou foi impressão...?



「~*~」

「山P p.o.v.」



-Então eu vou indo na frente! Até amanhã! – digo e saio apressado até o meu carro, mas quando estou quase abrindo a porta, ouço duas vozes atrás de mim.



-Yamapi! Espera! Pra onde você está indo com tanta pressa todos os dias?



-Pra casa...



-A gente também pode ir? – ergo uma sobrancelha e logo vem a explicação – é que ultimamente você tem ido direto pra casa... Nem tem mais tempo de sair com a gente... – sorrio da cara de cachorrinho sem dono dos dois. Bom... Até que não é má idéia... Koyama deve gostar de ter mais companhia para variar...



-Subam logo que estou com pressa! – rio da alegria dos dois e logo estamos saindo do estacionamento do prédio.



-Yamapi, olha! Uma doceria! Vamos comprar sorvete, sorvete!



-Chocolate! Precisamos de chocolate também!



-Essas crianças de hoje em dia... Cadê a educação de vocês hein? – finjo desaprová-los.



-Por favor? – os ouço falando juntos, me fazendo rir.



-A gente promete comer a janta direitinho tá papai? – rio negando com a cabeça, mas paro em frente à doceria de qualquer forma.



Após meia hora dentro da loja somente tentando convencê-los a não levarem a loja inteira, finalmente estávamos na fila para o caixa que não era nem um pouco pequena.



-Né Yamapi... – faço um ‘hun?’ – Você está namorando, tendo um caso ou coisa parecida?



-De onde você tirou essa idéia? – pergunto um tanto chocado pela parte do ‘tendo caso ou coisa parecida’ e ele dá de ombros.



-Você está sempre indo correndo para casa ultimamente... Né... Se você tiver uma namorada, isso quer dizer que nós vamos ter uma mãe? – os olhos dos dois começam a brilhar com a possibilidade.



-Vão pagar isso que o caixa está esperando e vamos logo para casa! – empurro os dois pro caixa que esperava impaciente cortando o assunto e em seguida fui direto para o carro esperá-los lá.



-Como será que vai ser nossa mãe? – e infelizmente eles voltaram nesse assunto assim que entraram no carro.



-Espero que não seja que nem as madrastas das estórias... Elas são cruéis...



-Eu quero uma daquelas mães bem boazinhas! Né Yamapi! Se nossa mãe for má, você vai proteger a gente, não vai?



-É lógico que sim! Tenho que proteger meus filhos, não é? Agora chega desse papo de mãe senão daqui a pouco vou achar que estou ficando encalhado.



Nós rimos enquanto saíamos do elevador e depois de achar a chave da porta e abrí-la, os dois entram correndo, jogando tênis para qualquer lado na pressa de tirá-los, deixando todas as sacolas para eu carregar, obviamente. Assim que consigo trancar a porta, ouço um barulho e preocupado, vou correndo ver o que aconteceu. Suspiro ao ver que esbarraram em Keii na pressa e todos foram parar direto ao chão.



-Quando é que vocês vão aprender a não correr aqui dentro? – eu ia continuar a dar bronca, se não fosse interrompido.



-Mamãe! – os dois abraçam Koyama que estava confuso no chão.



-Ehhh?? Mãe? Eu?? Como assim?



-Vamos vocês dois! Soltem o Keii-chan logo senão ele não vai conseguir se levantar. E se demorarem muito, vão ficar sem sobremesa hoje. – falo num tom sério apesar de só estar brincando, os fazendo arregalar os olhos e abraçar Koyama mais ainda.



-Mãe~! Papai está dando medo! Você não vai deixar a gente sem sobremesa, vai? – ri ao ver que a expressão de cachorrinho sem dono fez os olhos de Keii brilharem com lágrimas e logo era ele quem os abraçava.



-Claro que não! Foi um acidente! Vocês não me viram aqui não é? Não tem porque castigar vocês então...



-Você vai acabar mimando eles Keii... – desprovei com a cabeça – Bom, enquanto vocês ficam aí eu vou ir comer. Wah... Estou morrendo de fome! Oi, Massu! Parece que Keii fez guioza hoje e se você demorar, vou acabar comendo tudo. E Tego, você só vai poder comer o sorvete depois de jantar, lembra? – logo sou ultrapassado pelos dois que puxavam Keii pela mão.



Após a confusão de quem vai sentar ao lado de quem porque Tegoshi queria sentar ao lado de Keii e de Massu, enquanto Massu apenas olhando hipnotizado para o guioza ignorou Tegoshi e sentando no lugar errado, finalmente íamos comer. Até a expressão de choque que Massu faz ao comer um guioza, deixando Koyama em pânico achando que errou a receita.



-Umaa~~~i! – o sorriso que ele abre é tão radiante que meus olhos doem um pouco – Oishi! Oishi! - diz pegando praticamente a travessa inteira de guioza, fazendo os olhos de Koyama brilharem em alegria pelo que pude perceber.



-Ehhh! Massu! Eu também quero! – Tegoshi rouba um guioza do prato de Massu e more, mas ao ver a expressão de Massu, coloca o restante em sua boca, fazendo-o mastigar feliz por ter recuperado pelo menos metade do guioza apesar de ter um monte no prato – Wah! Oishi! Keii-chan que preparou? Sugoi! Yamapi! Se você não casar com ele, eu caso! Wah! Oishi~!



-Keii-chan, Keii-chan! Aonde você mora? Vou morar junto com você! – Keii-chan sorri encabulado, mas nada diz.



-Ele mora comigo. – simplesmente conto e dou uma mordida em um guioza que havia salvo antes de Massu chegar à mesa enquanto todos ficam em silêncio de repente durante um minuto, para depois os dois falarem juntos.



-Então eu também vou morar aqui! – rio da expressão séria em seus rostos.



-Nem pensar. Se vocês vierem morar aqui, nunca mais vou ter sosego.



-Mas Pi! Por favor! Você não pode ficar com o Keii-chan só pra você!



-Quem disse que não? – os encaro com uma sobrancelha arqueada e os dois olham para Koyama em busca de apoio.



-Desculpa... Yamashita-kun quem decide... – estranho ele me chamar dessa forma, mas ignoro – afinal... ele é meu dono... – ele termina a frase quase num sussurro, mas que ainda sim foi o suficiente para todos escutarem. Duvido que essa tenha sido a intenção dele de qualquer forma.



Tegoshi e Massu fazem uma cara de espanto e se viram para mim um pouco inconformados com a notícia que acabaram de ouvir.



-Você disse que não tinha arranjado uma mãe pra gente!



-Você estava querendo esconder a mamãe de nós?



-Ehhhhhhh??????? Eles são seus filhos de verdade?



Ao ouvir a pergunta de Koyama, nós três paramos o que que que estivéssemos fazendo e ficando encarando um ao outro antes de começar a gargalhar, deixando-o mais confuso ainda, coitado.



-Keii-chan é tão inocente, né? Dá até vontade de enganá-lo mais vezes!



-Ehhh??? Me enganar?



-Eles não são meus filhos de verdade Keii – ri mais um pouco antes de terminar de explicar – é só que esses dois trabalham junto comigo e eu sendo mais velho e sempre tendo que tomar conta desses aí por aprontarem demais na agência, eles acabaram me apelidando de pai...



-Ah...



-Somente você mesmo para acreditar que Yamashita poderia ter dois filhos com quase a mesma idade que ele. – sorrio ao ouvir essa voz com tom divertido, encarando Nyanta entrar na cozinha elegantemente. Era uma pena TegoMass não poderem ouví-lo ainda. Tenho quase certeza de que iriam se divertir muito aprontando com Keii contando com a ajuda desse gato. Eu mesmo só comecei a ouví-lo depois de pelo menos 15 dias convivendo juntos... Vendo o bico se formar nos lábios de Koyama, rio baixinho achando que já estavam passando um pouco dos limites.



-Né... vocês sabem que se deixarem Keii-chan de mal-humor, ele pode nunca mais querer cozinhar para vocês, né? – em menos de trinta segundos os dois já estavam bajulando Keii que ria da mudança de humor dos dois – Keii, acho melhor você se mudar para o meu quarto novamente... – eu havia dado o quarto de hóspedes para ele assim que a fase de lua cheia havia passado assim como sua gripe também - Dormir com esses dois não é lá uma boa idéia... Digo isso por experiência própria. – ele apenas sorri concordando.



「~*~」

「 ???’s p.o.v.」



-Onde foi que você se meteu Koyama...?



-Sei muito bem que não é uma boa idéia te incomodar a essa hora... Mas creio que possuo uma informação que irá te interessar com toda certeza... E trazer preocupação, claro.



-O quê? O que quer dizer com isso?



-O gato de Koyama também está desaparecido.



-O quê?? Está falando sério?



-Informação com cem por cento de certeza, conferido por mim mesmo...



-Tsc. Aonde esse gato deve ter se metido? Com certeza foi atrás de Koyama... Está decidido! Vá em busca de informações sobre Nyanta! Isso nós levará até Koyama com toda certeza!



-Entendido...



-Acha que pode realmente escapar de mim Keii...?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Nara
Johnny's senior
Johnny's senior
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2833
Idade : 33
Localização : São Paulo/SP
Emprego/lazer : bióloga
Unit Favorita : NewS, Arashi, Kanjani8, V6
Data de inscrição : 26/05/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qui Jan 14, 2010 1:01 am

Obaaa mais capitulo *----*
ja tava c/ saudades
kyaaa amei demais esse cap *-----*
OMG Tegomasu *-----*
parecem 2 crianças msm, rachei qdo eles aparecem, ficam pedindo coisas, chamam o Keii d mamae shahshahsha xD
Guioza o prato preferido do Masu hehe ^^
e ainda comilao do jeito q é rs
Ow só falta agora o Ryo e o Shige aparecerem *-*
eles vao aparecer né? *-*
to curiosa p/ saber qm está procurando o Keii
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://micellanews.blogspot.com/
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qui Jan 14, 2010 1:51 am

Nara escreveu:
Obaaa mais capitulo *----*
ja tava c/ saudades
kyaaa amei demais esse cap *-----*
OMG Tegomasu *-----*
parecem 2 crianças msm, rachei qdo eles aparecem, ficam pedindo coisas, chamam o Keii d mamae shahshahsha xD
Guioza o prato preferido do Masu hehe ^^
e ainda comilao do jeito q é rs
Ow só falta agora o Ryo e o Shige aparecerem *-*
eles vao aparecer né? *-*
to curiosa p/ saber qm está procurando o Keii

haha... desculpe o mega atraso... ^^'
fico feliz que tenha se divertido tanto lendo esse capítulo~! <3
bom.. essa é mais ou menos a visão que tenho sobre TegoMass.... os dois aprontando até não dar mais e deixando um certo líder sempre com trabalho extra... XD
não que eu ache que ele reclame por causa disso...
Enfim..........
hum................
vão sim aparecer.... provavelmente Shige aparecerá antes do Ryo... se não houver mudanças de plan os de última hora... hahaha...

e sobre a pessoa misteriosa... uma dica! tem a ver com algum desses dois que estão para aparecer! huhuhu...

ah.... quase esqueço... agradeço o comentário! <33333 fiquei tão feliz em ler-lo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Bah Wakabayashi
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 252
Idade : 25
Localização : Brasil, São Pulo, capital
Emprego/lazer : Auxiliar de lingua japonesa
Unit Favorita : Arashi *--* amo mais que tudo <3
KAT-TUN, NEWS, SMAP e TOKIO
Data de inscrição : 13/06/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qui Jan 21, 2010 3:12 am

Ouuu Kyuu /o/
mais um capitulo !
Ri tanto XD~

Koyama viro mamãe agora ?
Tinha que ser coisa de Tego e Massu XD~

Kyuu-chan está ficando muito bom viu !
ganbate ne o_oV
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Sex Jan 29, 2010 6:27 am

Bah Wakabayashi escreveu:
Ouuu Kyuu /o/
mais um capitulo !
Ri tanto XD~

Koyama viro mamãe agora ?
Tinha que ser coisa de Tego e Massu XD~

Kyuu-chan está ficando muito bom viu !
ganbate ne o_oV

hhahaa fico feliz que tenha rido com isso! XD antes de postar estava em dúvida se a minha tentativa de comédia tinha ficado chato....

sim, sim! afinal ele é KoyaMAMA não é? hahahahahahahaha!

haaai! ganbarimasu~!

peço desculpas pelo atraso que está ocorrendo para o próximo capítulo....
meu pen drive com a fic tinha sumido e acabei de achar hoje.... e... ao tentar escrever... eu estava vendo o dvd do NEWS - diamond... aí acabou que não saiu nada.... XDDDDDDDDDD
a única coisa que escrevi foi que o próximo capítulo será no pov do Keii. XDDDDDDD mais nada! hahahaha!
desculpe por isso! me esforçarei mais! promessa!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Kyuu
Johnny's trainer
Johnny's trainer
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 29
Localização : Na casa do Keii! *shoot*
Unit Favorita : News
Data de inscrição : 10/03/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Ter Fev 02, 2010 7:21 am

Nota: 小山 = Koyama
増田 - Masuda
p.o.v. - point of view (ponto de vista)

「Capítulo 04」
「小山 p.o.v.」

Observo as gotas de água escorrerem pelo vidro da janela como se estivessem pingando em mim. Quem é que não se deixa influenciar por um tempo escuro, sombrio, como esse? Sinto meu humor esvair a cada segundo, a cada molécula de água que se prende a essa vidraça, vidraça essa que é a única comunicação minha com o mundo afora que uma vez pertenci. Sou eternamente grato ao “meu dono” por ter me salvado, mas mesmo assim não posso evitar desejar a minha liberdade novamente, afinal, gatos nasceram para serem livres não é? Suspiro cansado e observo o embaçar da janela graças ao meu hálito. Ah... Como eu desejo sair daqui pelo menos por alguns instantes...

-Sei que estou lhe atrapalhando com seu momento único de melancolia, mas creio ser meu dever me lembrar que deveria começar a se preocupar um pouco. – sorrio fraco ao ouvir a voz atrás de mim. A voz que muitas vezes apenas soa sarcástica, mas sempre com um tom de doçura da boa intenção de me ajudar.

-Já estou começando a ficar preocupado na verdade... Nyanta... Quanto tempo mais acha que iremos ficar presos?

-Não estava comentando sobre isso, apesar de concordar que seja um assunto alarmante... –balançou um pouco o rabo pensativo – peço desculpas por não haver informação suficiente para isso Keiichiro. Não achava que fossemos de verdade nos prender, literalmente, numa situação como essa, então não estudei a fundo sobre esse assunto... Portanto não sei quanto tempo poderemos levar até poder sair livremente daqui... A falha é minha, por isso lhe peço perdão.

-Tudo bem... Não precisa se desculpar... Eu também nunca imaginava que fosse acabar assim... –suspiro novamente, de cansaço – Não quero que Yamashita-kun ache que estamos sendo ingratos, mas... – toco meus dedos no vidro e logo sinto a temperatura fria do mesmo – isso está me desgastando mais do que o previsto... Não sei se agüentarei desse jeito... Sinceramente, estou começando a ficar com medo... – encosto minha testa no vidro, e fechando os olhos com força, mordo meus lábios. Não! Eu tenho que me manter forte! Não posso quebrar, não posso quebrar... Sinto algo em minha perna esquerda, e quando abro os olhos, pude ver Nyanta se esfregar nela numa tentativa de me acalmar. Sorrio agradecido me agachando e acariciando seu pêlo.

-Você tem uma mente forte Keiichiro... Muitos não agüentariam e se perderiam antes... Sei que irá agüentar até o final, por mim e por você. –sinto uma lambida em meus dedos, o sorriso inocente ainda preso em meus lábios – Mas... Voltando ao meu assunto inicial... Não acha que está se esquecendo de alguém?

-Alguém...? –viro a cabeça rapidamente para a porta – Yamashita-san já retornou? – meu gato ri levemente antes de me responder.

-Não... E não estou falando dele... – perante minha expressão de confusão, ele continua – Estou falando de uma pessoa a quem você não manda notícias há muito tempo.

-Mamãe...? – tento adivinhar incerto.

-É... Ela também, mas não creio que ela seria a pessoa a nos dar problema por seu sumiço repentino e longo, ainda mais quando eu já a avisei. – coço a nuca tentando me lembrar... – Bom, quando conseguir se lembrar dessa pessoa, comece a pensar em um jeito de escapar... Não poderei te ajudar nessa, saiba disso.

-Não irá me contar quem é? Que cruel Nyanta! – reclamo vendo meu gato se afastar de mim, andando vagarosamente até a cozinha provavelmente para beber água.

-Apenas estou lhe ajudando... Pense nisso apenas como uma distração para sua mente não recomeçar a se desgastar por estarmos presos ainda... – sorrio agradecido apesar de ele não poder me ver. Nyanta sempre foi assim... Sempre preocupado comigo...

-Yosh! –me levanto com mais ânimo – tenho que me lembrar logo quem é essa pessoa ou posso realmente ficar encrencado depois! – sorrio pela energia que voltava para o meu corpo.

「増田 p.o.v.」

Fiquei congelado com a mão ainda na maçaneta e a porta entreaberta. O gato fala...? Desde quando aquele gato fala? Ele estava falando não é? Keii-chan estava falando com ele não estava? Eles estão presos? Yamapi é um seqüestrador? Não, não pode ser, eles tem a chave também que usava para abrir a porta pra gente... Aaaah! Isso está muito confuso! Numa situação dessas só tem um jeito de descobrir a verdade! Engulo seco, forçando meus dedos a voltarem a se mexer, terminando de abrir a porta e adentrando o apartamento, lembrando-me de trancá-lo depois.

-K-Keii...? Keii-chan...?

-Massu? Massu! Estou na cozinha! Pode vir! – estranho a voz animada que me responde. Bom... Pra ele continuar com essa energia, não é nada de ruim que aconteceu para deixá-lo preso aqui... Ou é?

Sinto meu corpo pesado a cada passo que dou em direção a cozinha, o pacote de doces que havia comprado para Koyama já está todo amassado e espero sinceramente que seu conteúdo ainda esteja comestível... Respiro fundo para me acalmar, fechando os olhos. Quando os abro, coloco o meu sorriso de sempre e finalmente entro na cozinha, dando de cara com um Keii-chan todo animado com avental cozinhando um bolo de chocolate.

-Boa tarde Massu! O bolo já deve estar quase pronto! Vamos, sente-se!
Sorrio agradecido me sentando a sua frente e ficamos os dois observando o forno. Huum... O cheiro delicioso já começava a invadir todo o ambiente, me deixando com a boca salivando. Chacoalho a cabeça voltando a me concentrar. Estendo meu pacote a Keii-chan que agradecido, o toma de minhas mãos.

-Keii-chan...

-Hum?

-Eu sei que na verdade eu não deveria ter escutado, e que é muito ruim me meter assim na vida dos outros... Mas... Mas... Por que você disse que está preso aqui? E por que Nyanta pode falar? Eu nunca ouvir ele falar todos esse tempos em que eu estive aqui... – claramente confuso, apenas deixo meu olhar sobre Nyanta que ao me escutar, se senta me encarando e não sei exatamente se é apenas impressão minha, mas parece que ele está sorrindo divertido... Isso... Isso é muito estranho...

-Ah... Entendo... Então você ouviu... – ouvindo isso, a culpa toma conta de mim, e Keii-chan apenas ri brevemente – Não se preocupe – sinto sua mão acariciando meu cabelo, como se estivesse fazendo carinho em uma criança – Esse assunto não é exatamente um segredo nem nada do tipo... – ele se senta ao meu lado pegando fôlego para me explicar toda a sua história complicada que me faz manter a boca aberta em espanto por pelo menos meia hora.

-É por isso que você disse que Yamapi é seu dono outro dia? – ele apenas confirma com a cabeça, sorrindo docemente – Mentira! – ele se assusta com a súbita elevação na voz e com minha expressão de tristeza – Quer dizer que vocês não estão namorando...? Então Keii-chan não é nossa mãe...? – olho tristemente pro pedaço de bolo no meu prato, deixando um Keii-chan desesperado sem saber o que fazer.

-Pensa pelo outro lado menino. – Encaro Nyanta curioso. É a primeira vez que ele realmente fala comigo. – Até Keiichiro conseguir a liberdade de volta, vocês tem esse tempo para juntar os dois. – A alegria volta com energia total, me deixando na vontade de beijar esse gato pela ótima idéia.

-Nyanta! Não dê esse tipo de idéia à ele! E... Vocês? Conta com mais alguém nesse plano absurdo? – abro meu melhor sorriso para Koyama, que recua um pouco sem-ação.

-É claro que Tesshi vai me ajudar! Não se preocupe Keii-chan! Nós dois seremos os seus cupidos!

-Pronto. Melhor que deixá-lo triste não é mesmo Keiichiro? – Keii-chan apenas ri forçado e eu já pego meu celular digitando um número que conheço de cor. Ahh... Tesshi vai adorar essa novidade! Mesmo porque eu não iria conseguir fazer nada sozinho... Tegoshi sempre tem as melhores idéias...

「小山 p.o.v.」

E eu ainda reclamava do tempo em que ficava sem fazer nada. Suspiro pela sei lá quantas vezes seguidas, ouvindo TegoMass elogiar Yamapi por uns quatro dias seguidos. Olho se esguelha para Nyanta que literalmente se rolava no chão dando risadas. Maldito gato sádico! Pressentindo meu olhar sobre si, ele apenas me olha e sorri mais ainda. Rolo meus olhos e voltando a observá-lo, resolvo abordar esse assunto de um outro jeito que imploro para que dê certo! Faço minha cara de suplicante, fazendo-o rolar os olhos dessa vez, mas indo me ajudar de qualquer forma.

-Hey. TegoMass! –obtendo a atenção dos dois, ele sorri satisfeito – vão ter que pensar em um outro jeito de fazer Keiichiro se apaixonar... E o que pretendem fazer com Yamashita? Apenas Keiichiro se apaixonar não dará certo, não é mesmo? – pensativos, trocaram olhares antes de voltarem a atenção à Nyanta.

-Nyanta-sama! Ajuda a gente!

-Ainda não temos experiência nisso, sabia?

Batendo na testa com a mão, me encolho mais ainda no sofá. O que é que eu fui fazer? Droga, droga, droga. Com a ajuda de Nyanta, isso aqui se tornará pior ainda! Mordo meu dedão pensativo. Preciso arranjar um jeito de distraí-los desse assunto por um bom tempo... Se Nyanta realmente levar a sério o pedido deles e ajudar, não vai ser nada bom... Engulo seco... Se isso acontecer, pode ser que realmente nós dois acabemos como um casal... Forçados ou não...
- ... – em silêncio Nyanta apenas me dá um breve relance no olhar antes de responder – Certo... Está bem... Irei ajudá-los um pouco. – nesse exato momento senti meu rosto empalidecer. Como passo o maior tempo com Nyanta, está óbvio que a principal vítima do felino sou eu. O que eu fiz para merecer isso?

「 ???’s p.o.v.」

-Por favor, peço que se lembre! Eu estou a procura desse gato há dias, e ninguém consegue me dar uma pista para pode achá-lo! Estou começando a entrar em desespero!

-Calma, calma! Olha, eu vou te ajudar, ok? Apenas se acalme... – observo o veterinário que apenas pega a foto de minhas mãos para analisar melhor – ah! – sorri, mas logo me forcei a disfarçar.

-Você o viu em algum lugar? Por favor! Qualquer informação é útil!

-Ah sim, sim... Eu tratei esse gato... Estava quase beirando a morte aquele dia... Mas ainda bem que agora voltou a ficar saudável! – o veterinário sorriu lembrando – se não fosse aquele garoto tê-lo encontrado e trazido até aqui, não quero nem pensar na outra possibilidade – vejo-o tremer ao tentar imaginar e minha vontade de sorrir apenas aumentava.

-Mas... Quem o trouxe? Tem algum dado dessa pessoa? Eu... Eu preciso ir atrás dele! Qualquer dado serve! Haja o que houver, eu desejo meu gato de volta!

-Calma, calma... Olha... Eu tenho o nome da pessoa e irei te passar o telefone, ok? Você poderá entrar em contanto com essa pessoa e ver se ela está com seu gatinho mesmo... – pego o pedaço de papel em minhas mãos e sorrio agradecido.

-Muito Obrigado doutor!

-Que isso... E pode me chamar de Aiba, já lhe disse... – respondeu rindo – Fico feliz em poder lhe ajudar. Espero sinceramente que consiga reencontrar seu precioso gatinho, tá?

-Muito Obrigado! – sorrio agradecendo mais uma vez e saio de seu consultório, um gato preto me acompanhando logo em seguida. – Não tem dúvidas... Ele viu Koyama. Só precisamos agora de dados sobre essa pessoa... Yamashita Tomohisa? – leio o nome escrito no papel – aonde eu já ouvi esse nome....?


N/A: é... agora estou em dúvida... Ou eu agito bastante as coisas... ou a fic aumenta de caítulos para ir mais sossegada... hahaha. talvez eu vá agitar mais porque não tenho muita paciência. XD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mikiyu-chan.livejournal.com/
Nara
Johnny's senior
Johnny's senior
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2833
Idade : 33
Localização : São Paulo/SP
Emprego/lazer : bióloga
Unit Favorita : NewS, Arashi, Kanjani8, V6
Data de inscrição : 26/05/2009

MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   Qua Fev 03, 2010 12:19 am

Aaaaa Masu Masu Masu *-----*
oh ele flando c/ Nyanta isso é bem diferente né ja q ele tem medo d animais xD
td bem q esse nao é um gato comum xD
nossa e p/ ele olhar triste p/ um pedaço d bolo tbm é bem fora do comum né
shahshahshas xD
Aiai Tegomasu é maraa *----*
raxei na parte q eles estao tramando p/ cmo juntar Koyapi shahshahsha *---*
Nhaaa aiba apareceu d nvo *----*
Qm é essa pesoa hein?
*mto curiosa*
Nhaaa adoro a fic, ela é tao divertida e fofa ao msm tempo *----*
Mais mais mais!!!!
ah eu nao sei se é melhor vc agitar ou ir c/ calma
qro agitaçao ms qro q va c/ calma p/ ter mais caps tbm hehe
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://micellanews.blogspot.com/
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: 「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
「inc - 07/? 」 7 Lifes, Mangetsu no neko no curse.
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Johnnys Brasil :: Off Topic :: Free your mind-
Ir para: